Holiman lança o EP “Perdão”

holiman

A banda Holiman lançou na sexta-feira, 24 de agosto, o EP “Perdão”, já disponível nas plataformas de streaming. “Perdão” conta com três faixas: a homônima, “Perdão”, lançada mês passada pelo grupo,  “Aqui” e “Complexo”.

A faixa que leva o nome do EP, foi uma sugestão do produtor, Paulo Vaz, que incentivou o grupo a experimentar uma sonoridade acústica para ampliar os horizontes e alcançar novos públicos, preservando a identidade do trio. “Perdão” é uma história sendo contada, sobre um ser humano pedindo perdão a outro ser humano, se desculpando pelas coisas erradas que fez, mesmo sem a intenção de machucar o outro.

“Aqui” foi uma das primeiras composições após a banda passar por mudanças e encontrar seu estilo musical próprio, a canção foi uma forma de buscar um ritmo dançante e funkeado, mas com o peso clássico do rock. A música navega por inspirações que vão de Artic Monkeys a Paramore. Entre diversas ideias de desconstruções de padrão, a guitarra aparece na música em forma de percussão durante todo o verso, deixando o baixo ser o protagonista, no refrão os dois se encontram. A letra, de forma subjetiva, demonstra a insatisfação de alguém que se deixa levar pela obrigação de ser algo que lhe foi imposto, deixando de ser algo natural.

A faixa “Complexo”, a que mais define o grupo atualmente, possui uma dinâmica bem distinta, um groove inspirado em bandas de black music dos anos 70 e um rock pesado de bandas de post-hardcore. Com essa mistura muito intensa na parte instrumental, a Holiman também traz essa intensidade na letra, ao retratar um tema pesado, que é a depressão.

Lucas Morais, vocalista da Holiman, comentou sobre as canções, “São três músicas que resumem nosso processo de mudanças nesses anos de banda. Em cada uma delas há elementos que buscamos em diversos estilos musicais diferentes, em busca de um som próprio que pudesse ser simples mas ao mesmo tempo diferente do óbvio.”

Caio Rizzutti , Callá e Morais buscavam uma sonoridade mais madura e uma repaginada no novo trabalho, para isso chamaram Paulo Vaz, tecladista da Supercombo, para produzir o EP.

Paulo Vaz comentou a união e não poupou elogios ao grupo, “Eu conheci o Caio por amigos em comum há algum tempo, quando eles resolveram fazer esse novo projeto vieram falar comigo. Ouvi o trabalho deles, selecionamos algumas músicas – eles chegaram com várias; e selecionamos essas 3 para o EP. Foi uma trabalho muito legal de fazer, são meninos novos, mas muito talentosos. Foi muito prazeroso, junto com eles, moldar o que já era bom, lapidar o trabalho, desde o processo de pré-produção até as gravações. E o resultado ficou muito legal!”

A Holiman surgiu sem muitas pretenções, formada por amigos que sempre se reuniram para compor e dividir ideias.  O primeiro esboço foi em 2011, mas só em 2014 que Caio Rizzutti (Bateria), Guilherme Callá (Guitarra) e Lucas Morais (Vocal) de fato iniciaram a história da banda, com o intuito de vivenciar a música no coletivo e buscar horizontes dos quais o trio sempre imaginou alcançar.

Em 2015 lançaram o EP “Porta”, o trabalho conta com quatro músicas: “Metrópole”, “Epifania”, “Vencer” e “Contágio”. Composições e arranjos que foram sendo trabalhados pelo trio e, que serviram como porta de entrada para a cena musical.

Nesses três anos muitas coisas aconteceram, o trio amadureceu tanto no aspecto pessoal, quanto no musical. Venceram duas vezes o concurso para abrir o Buzina Festival, que acontece em São Paulo, e tocaram ao lado de bandas como NXZero, Fresno, Supercombo, Gloria, Medulla, Scalene, entre outras.

Holiman busca agora transparecer tudo o que já passaram nesse novo trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *